Dois curtas brasileiros concorrem a prêmio na França

Paris, 29 jan (EFE).- Os Sapatos de Aristeu, de Luiz René Guerra, e Tarabatara, de Júlia Zakia, são os curtas-metragens brasileiros que concorrem ao prêmio máximo no 31º Festival Internacional de Clermont-Ferrand, na França, que começa amanhã e vai até 7 de fevereiro.

EFE |

O primeiro, em 17 minutos, conta o enterro de um travesti cuja família decide sepultá-lo vestido de homem, enquanto o segundo é um documentário que relata, em 23 minutos, o cotidiano de uma família de ciganos no Nordeste.

Ao todo, o festival terá 75 filmes, de 50 países, entre eles Argentina, Chile, Costa Rica, Cuba e México. EFE jaf/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG