Após ser exibido no 14º Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade, em São Paulo e no Rio de Janeiro, o documentário Ecos, dos jornalistas Pedro Henrique França ( O Estado de S. Paulo ) e Guilherme Manechini, será exibido hoje, às 19 horas, no Museu da Imagem e do Som (MIS) de Campinas.

Ecos conta a trajetória do prefeito de Campinas, Antônio da Costa Santos, o Toninho do PT, assassinado em 10 de setembro de 2001. O documentário, produzido para a conclusão do curso de Jornalismo da PUC em 2007 e exibido durante o festival, tem o cerne da questão - crime comum ou político? - como a linha-guia do trabalho que inclui entrevistas da viúva de Toninho, a psicóloga Roseana Garcia, da filha do casal, Marina Santos, de amigos, companheiros de militância, autoridades e suspeitos.

O MIS em Campinas fica na Regente Feijó, 859, Centro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.