Djokovic fica a dez pontos de Federer no ranking da ATP

O título na Masters Cup deixou o sérvio Novak Djokovic mais próximo do que nunca da segunda colocação da Associação de Tênis Profissional (ATP). Com a conquista em Xangai, ele chegou a 5.

Agência Estado |

295 pontos, e está a apenas dez do suíço Roger Federer, eliminado na primeira fase do torneio. A liderança continua com Rafael Nadal - mesmo sem jogar na semana, o espanhol tem 6.675 pontos.

A Masters Cup serviu para o escocês Andy Murray consolidar sua quarta colocação, e manteve o russo Nikolay Davydenko, vice-campeão, em quinto lugar.

As subidas entre os dez primeiros do ranking ficaram por conta de dois franceses: Jo-Wilfried Tsonga, mesmo com apenas uma vitória na competição, subiu do sétimo para o sexto lugar. Gilles Simon, que caiu na semifinal, ganhou dois postos e agora é o sétimo.

Os dois melhores brasileiros no ranking não jogaram durante a semana, e por isso perderam posições. Marcos Daniel, número 1 do País, caiu dez postos, de 69º para 79º, enquanto Thomaz Bellucci despencou nove, da 81ª para a 90ª colocação.

Ranking da ATP, 17/11:

1.º - Rafael Nadal (ESP), 6.675 pontos
2.º - Roger Federer (SUI), 5.305
3.º - Novak Djokovic (SER), 5.295
4.º - Andy Murray (GBR), 3.720
5.º - Nikolay Davydenko (RUS), 2.715
6.º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 2.050
7.º - Gilles Simon (FRA), 1.980
8.º - Andy Roddick (EUA), 1.970
9.º - Juan Martín del Potro (ARG), 1.945
10.º - James Blake (EUA), 1.775
79.º - Marcos Daniel (BRA), 536
90.º - Thomaz Bellucci (BRA), 508
114.º - Thiago Alves (BRA), 442
164.º - Ricardo Hocevar (BRA), 262
184.º - Franco Ferreiro (BRA), 227
199.º - Ricardo Mello (BRA), 213

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG