Disputa entre Dilma e Serra será um privilégio, diz Lula

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse em entrevista publicada neste domingo no jornal argentino La Nación que será um privilégio para o Brasil uma disputa para a presidência em 2010 entre a atual ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), e o governador de São Paulo, José Serra (PSDB).

Agência Estado |

Lula acrescentou ainda que se Ciro Gomes (PSB) ou o governador mineiro, Aécio Neves (PSDB), também concorrerem "vai ser um luxo".

"Não vejo nada de direita nesses candidatos. Vejo colegas de esquerda, de centro-esquerda e progressistas. Isso é um avanço extraordinário para o Brasil", disse Lula.

Apesar de avaliar todos os candidatos viáveis para sucedê-lo, Lula afirmou ter "fé" no potencial eleitoral de Dilma, ressaltando que para isso seu governo tem "muito a trabalhar" até 2010.

Leia mais sobre: eleições 2010

    Leia tudo sobre: eleições 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG