morte do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Alberto Menezes Direito. Em nota de pesar, o presidente afirma que o ministro sempre atuou com ¿brilhantismo e elevado espírito público¿." / brilhantismo , diz Lula ao lamentar morte de ministro - Brasil - iG" / morte do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Alberto Menezes Direito. Em nota de pesar, o presidente afirma que o ministro sempre atuou com ¿brilhantismo e elevado espírito público¿." /

Direito sempre atuou com brilhantismo , diz Lula ao lamentar morte de ministro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou nesta terça-feira a http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/09/01/ministro+do+stf+carlos+alberto+menezes+morre+no+rio+8194915.html target=_topmorte do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Alberto Menezes Direito. Em nota de pesar, o presidente afirma que o ministro sempre atuou com ¿brilhantismo e elevado espírito público¿.

Agência Brasil |

  • Autoridades lamentam morte do ministro Menezes Direito
  • Lula não tem prazo para indicar novo ministro do Supremo

    AE
    Filho e viúva de Direito durante velório do ministro

    Filho e viúva de Direito durante velório

    Profundo conhecedor do Direito, fundamentava seus votos com muito critério, objetividade e consistência. Sua discrição e sobriedade emprestavam mais força às posições que adotava, diz o presidente Lula, por meio de nota.

    Lula, que está em viagem programada ao Rio de Janeiro para participar de eventos à tarde e durante a noite, foi ao velório de Menezes Direito, no Centro Cultural da Justiça Federal, antiga sede do STF, na região central da capital fluminense, por volta das 15h50. Ele ficou cerca de dez minutos no local, cumprimentou os familiares e saiu sem dar declarações à imprensa.

    Lutava contra um câncer

    Direito morreu nesta madrugada, aos 66 anos, por complicações provocadas por um câncer no pâncreas. Desde maio, ele estava afastado do trabalho para tratamento médico. O ministro foi indicado por Lula, em 2007, para ocupar a vaga aberta no STF com a aposentadoria de Sepúlveda Pertence.

    O STF, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) cancelaram as sessões previstas para esta terça-feira por causa da morte de Menezes Direito.

    Leia mais sobre: Carlos Alberto Direito 

    • Leia tudo sobre: ministro

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG