mineiridade em visita a Belo Horizonte - Brasil - iG" /

Dilma tenta reafirmar mineiridade em visita a Belo Horizonte

BELO HORIZONTE (Reuters) - Depois de construir a maior parte de sua carreira no Rio Grande do Sul, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, tentou reafirmar sua mineiridade durante evento de assinatura de contratos do programa Minha Casa, Minha Vida na Prefeitura de Belo Horizonte nesta quarta-feira. Pré-candidata pelo PT à sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma destacou vários programas e obras do governo petista e ressaltou que é natural de Minas Gerais, o segundo maior colégio eleitoral do país.

Reuters |

"Estivemos há pouco naquela cidade de Ouro Perto. A nossa cidade de Ouro Preto. E nós, mineiros, aprendemos a nos orgulhar dela assim que abrimos os olhos", disse ela, referindo-se ao município onde, pouco antes, havia inaugurado ao lado de Lula o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das cidades históricas.

Dilma nasceu em Uberaba, no Triângulo Mineiro, e estudou em Belo Horizonte até ser expulsa da Faculdade de Economia por causa da militância política na época da ditadura militar.

"É uma grande alegria para nós estarmos aqui em Minas Gerais", acrescentou Dilma em discurso a centenas de políticos e líderes de entidades sociais e organizações não governamentais do estado.

A ministra estava acompanhada pelo chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Luiz Dulci, pelo ministro do Desenvolvimento e Combate à Fome, Patrus Ananias, e pelo ministro das Comunicações, Hélio Costa, --todos mineiros--, além do ministro das Cidades, Márcio Fortes, que ressaltou ser filho de cidadão de Minas Gerais.

(Reportagem de Marcelo Portela)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG