Dilma: PMDB não esconde apoio ao sucessor de Lula

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, expressou hoje a certeza de que o PT receberá apoio do PMDB nas eleições de 2010. Favorita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para concorrer à Presidência no ano que vem pelo PT, Dilma disse que os peemedebistas têm dado demonstrações de que estão juntos com o governo Lula e com o futuro candidato do presidente à sucessão.

Agência Estado |

"As lideranças do PMDB não escondem o apoio ao governo Lula e também não escondem apoio à sucessão do presidente Lula", afirmou a ministra, após participar da cerimônia de abertura da Semana Imobiliária, na capital paulista.

Nacionalmente, o apoio do PMDB é alvo de uma disputa entre PSDB e PT. Em São Paulo, por exemplo, o presidente estadual do partido, Orestes Quércia, já declarou apoio à candidatura do governador paulista, o tucano José Serra.

Em queda nas últimas pesquisas de intenção de voto, a ministra evitou falar sobre o assunto. "A pesquisa é retrato do momento. Vamos conseguir fazer o sucessor do presidente Lula", resumiu.

Dilma justificou a cautela diante do tema pelo fato de não ser oficialmente candidata. "Eu só posso assumir candidatura depois que o PT decidir isso em convenção ou congresso. Aí posso ser pré-candidata." E repetiu o que tem dito: "Estamos a um ano da eleição. Muita água vai correr debaixo dessa ponte."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG