Dilma nega que tenha levado recado de Lula a Sarney

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, contou hoje que na noite de terça-feira recebeu em sua casa, no Lago Sul, em Brasília, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), que, segundo ela, tinha pedido o encontro uma hora antes. Ela fez questão de ressaltar que o peemedebista a procurou porque o presidente Luiz Inácio Lula da Silva estava na Líbia.

Agência Estado |

"Eu não tinha nenhum recado do presidente Lula para o presidente Sarney e apenas fiz uma ponderação cautelosa", afirmou Dilma, ao se referir a notícias de que ela teria sido porta-voz do presidente para recomendar cautela a Sarney.

Na conversa, que foi acompanhada pelo chefe da gabinete da Presidência, Gilberto Carvalho, a ministra afirmou que pediu para Sarney aguardar a volta do presidente antes de tomar qualquer decisão sobre possível afastamento do cargo. Dilma negou também que o encontro teria ocorrido na casa do presidente do Senado, como chegou a ser anunciado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG