Dilma é aclamada por multidão de fiéis em Brasília

Mesmo não tendo conseguido chegar a tempo de Pernambuco, onde participou da abertura oficial do forró, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, pré-candidata do PT à Presidência da República, foi ovacionada hoje pela multidão de fiéis que participou da missa de encerramento da Semana de Pentecostes em Brasília. Em mensagem aos presentes, Dilma, que enfrenta tratamento de câncer, disse que desde menina aprendeu a admirar a fé do povo e pediu que os fiéis rezassem por ela.

Agência Estado |

"Peço a todos que me ajudem, rezem por mim, para que eu tenha saúde e sabedoria para servir ao nosso povo", disse a ministra.

Ela enfatizou que, no governo, tem vivenciado o sofrimento e trabalhado pelas camadas mais carentes da população e expressou o desejo de vencer a doença para continuar na vida pública. "Meu desejo é partilhar o sofrimento e também para que eu possa lutar sempre pela felicidade do povo brasileiro".

Dilma disse que "desde menina, em Minas Gerais", aprendeu a admirar a fé do povo. "Tenho confiança na força da oração e confio que receberei as graças do divino espírito santo com vocês". O ato litúrgico de Pentecostes, que contou com mais de 500 mil pessoas, é o de maior participação popular de Brasília e um dos maiores do País. É celebrado pelo padre carismático Moacir Anastácio, que tem fama de fazer curas em nome do espírito santo, o que explica a grande afluência de populares e políticos. Estiveram presentes à missa o presidente do Senado, senador José Sarney (PMDB-AP) e sua filha, a governadora licenciada do Maranhão, Roseana Sarney, que receberam uma bênção especial do padre.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG