A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, se reúne nesta segunda-feira com lideranças de cinco partidos - além do PT - para criar um conselho de campanha. O grupo debaterá propostas para o programa de governo e até mesmo a agenda da candidata. O líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, disse que PMDB, PCdoB, PR, PDT e PRB terão representantes no conselho. ¿Vamos criar um grupo que contribuirá com a campanha com sugestões e discussões sobre a candidatura¿, disse o deputado. A ideia é acomodar os líderes com funções na campanha petista, como uma forma de agradar os aliados." / vagas na campanha - Brasil - iG" / A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, se reúne nesta segunda-feira com lideranças de cinco partidos - além do PT - para criar um conselho de campanha. O grupo debaterá propostas para o programa de governo e até mesmo a agenda da candidata. O líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, disse que PMDB, PCdoB, PR, PDT e PRB terão representantes no conselho. ¿Vamos criar um grupo que contribuirá com a campanha com sugestões e discussões sobre a candidatura¿, disse o deputado. A ideia é acomodar os líderes com funções na campanha petista, como uma forma de agradar os aliados." /

Dilma afaga aliados com vagas na campanha

http://images.ig.com.br/ult_us/selo_eleicoes.jpg align=leftA candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, se reúne nesta segunda-feira com lideranças de cinco partidos - além do PT - para criar um conselho de campanha. O grupo debaterá propostas para o programa de governo e até mesmo a agenda da candidata. O líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, disse que PMDB, PCdoB, PR, PDT e PRB terão representantes no conselho. ¿Vamos criar um grupo que contribuirá com a campanha com sugestões e discussões sobre a candidatura¿, disse o deputado. A ideia é acomodar os líderes com funções na campanha petista, como uma forma de agradar os aliados.

Andréia Sadi, iG Brasília |

Dilma terá uma agenda cheia nesta segunda. Após maratona de três dias no Rio Grande do Sul, a petista lançará hoje o seu site pessoal, em Brasília. Dirigentes do PT afirmam que o site de Dilma terá "características de blog" e, por enquanto, não abrigará conteúdo eleitoral, tarefa quase impossível diante da dificuldade de controlar os internautas.

Preocupada em não ferir a legislação, que proíbe propaganda antecipada de candidatos na internet, o comando da campanha petista consultou vários juristas, entre o quais Márcio Thomaz Bastos.

O PT quer ter exército de 200 mil filiados na internet. O cálculo tem como referência os cadastrados na rede de e-mails do partido, que devem atuar como guerrilheiros da blogosfera, convencer o eleitor a votar em Dilma e rebater ataques contra ela.

Mais tarde, Dilma irá a jantar na casa do deputado Eunício Oliveira (PMDB-CE), organizado por Vaccarezza. No encontro, deverão estar presentes os principais líderes aliados do governo Lula.

Twitter

No dia 11 de abril, Dilma estreou no twitter , seguindo os passos dos presidenciáveis como o tucano José Serra , a senadora Marina Silva (PV-AC) e o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE).

*Com informações da Agência Estado

Leia mais sobre: Dilma Rousseff  - eleições 2010


    Leia tudo sobre: dilma rousseff

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG