Um raro diamante azul, de 31,06 quilates, chamado de Wittelsbach-Graff, será exposto no museu de história natural de Washington, pela primeira vez em 50 anos, informou a própria instituição.

"O diamante Wittelsbach-Graff é um objeto intrigante e lendário, e, certamente, uma das mais maravilhosas pedras preciosas do mundo", disse Jeffrey Post, curador da coleção de gemas do museu.

"Estamos encantados de exibir este ícone da história (...) ao público pela primeira vez desde a exposição universal de Bruxelas, em 1958", assinalou Post.

A história conhecida do Wittelsbach-Graff remonta a 1664, quando o diamante foi presenteado pelo Rei Felipe IV da Espanha a sua filha, a infanta Margarida Teresa, pouco antes de seu casamento com o imperador Leopoldo I, da Áustria.

A pedra ficará exposta de 28 de janeiro a 1º de agosto de 2010.

vmt/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.