Dez crianças são levadas por correnteza de rio no Maranhão

Uma criança de 13 anos morreu e outras nove estão desaparecidas na cidade de Coelho Neto, distante 385 quilômetros de São Luís. Conforme informações da Defesa Civil, a adolescente, identificada apenas por Geísa, estava a caminho da escola com os outros adolescentes quando foi levada por uma correnteza do Rio Parnaíba, na entrada do município. Seu corpo foi encontrado no povoado de Buenos Aires. Com a garota, subiu para dez o numero de mortos em razão das chuvas em todo o Maranhão.

Agência Estado |

"A cidade está muito preocupada com esse episódio e pode haver mais mortes", afirmou o prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva (PSDB). Pelo menos 50 pessoas estão realizando buscas pelas crianças desaparecidas com a ajuda de canoas e barcos. A situação na cidade é crítica. Choveu nas últimas 14 horas de forma ininterrupta. Cerca de 150 casas desabaram e três mil pessoas que vivem às margens do Parnaíba estão desabrigadas.

Agência Brasil
As enchentes atingiram 90% da população de Trizidela do Vale, no Maranhão


Pelo menos os dois quilômetros iniciais da cidade estão encobertos pelas águas do rio. O prefeito já decretou situação de emergência. Pelos dados da Defesa Civil Estadual, em todo o Maranhão, 92 mil pessoas estão desabrigadas ou desalojadas, 87 municípios já decretaram situação de emergência e 237 mil moradores já foram afetados pelas chuvas no Maranhão.

Nesta sexta, a Caixa Econômica Federal divulgou que as pessoas prejudicadas pelas enchentes nas regiões Norte e Nordeste do País que possuírem contas vinculadas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) poderão sacar até R$ 2,6 mil , que é o valor de emergência previsto em lei.


Leia também:

Leia mais sobre: chuvas

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG