SALVADOR - Os detentos do Presídio Advogado Nilton Gonçalves, em Vitória da Conquista, na Bahia, iniciaram protesto em que mantêm cerca de 15 familiares, entre eles três crianças, reféns, segundo informações da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Estado.


Acordo Ortográfico

O motivo da rebelião, que começou na tarde de quinta-feira, é a exigência da volta de dez homens que foram transferidos para o Distrito Integrado de Segurança Pública na semana passada.

De acordo com a Secretaria, esses detentos seriam os líderes no presídio. As negociações para a liberação dos reféns continuavam por volta das 12 horas, segundo a secretaria. Não há informações sobre feridos.

Leia mais sobre: rebelião

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.