Detentas serram grade, dopam cachorro e fogem de penitenciária no RS, diz polícia

Quatro detentas da Penitenciária Feminina Madre Pelletier, em Porto Alegre, fugiram na madrugada de sábado, 27, de acordo com informações do delegado penitenciário da Causas Especiais da capital gaúcha, Antônio Carlos de Holanda Cavalcante. Por volta das 4h30, as detentas desceram do 3º andar com uma corda feita de lençóis por 14 metros, após serrarem as grades da cela.

Agência Estado |

Um cão pastor alemão, usado como apoio dos agentes para a segurança no presídio, foi encontrado dopado nesta manhã. A fuga foi descoberta por volta das 6h30, durante a contagem das presas.

As presas, segundo o delegado Cavalcante, desceram numa área interna do presídio, perto da creche dos filhos das detentas, com acesso à rua. Durante uma revista feita por volta das 13h, foram encontrados uma serra para ferro e alguns celulares. Nenhum detenta foi recapturada.

    Leia tudo sobre: fuga

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG