Detenta foge de hospital após dar à luz no interior de SP

A detenta Andréia Kelly Tarossi, de 29 anos, foi internada para dar à luz, mas conseguiu driblar a segurança e fugir ontem do hospital Padre Albino, de Catanduva, a 385 quilômetros de São Paulo, levando a filha recém-nascida. Andréia, que estava presa por estelionato na Cadeia Pública do município de Santa Adélia, cidade vizinha, foi internada em trabalho de parto no sábado, quando foi submetido a uma operação cesariana e deu à luz uma menina.

Agência Estado |

A fuga, ocorrida ontem e divulgada hoje pela Polícia Civil, foi registrada pelas câmeras internas do hospital. Antes de sair andando pela porta do pronto-socorro, Andréia caminhou por uma hora pelos corredores do hospital e esperou a troca de turno de funcionários. "Não houve nem tempo para registrar a criança, o que seria feito nesta segunda-feira", afirmou o delegado Acácio dos Santos Oliveira Neto, responsável pelo caso.

A polícia não sabe como Andréia conseguiu de livrar de algemas e sair sem ser vista. Oliveira Neto disse que um procedimento disciplinar foi aberto para apurar a falta cometida pelo carcereiro, que não estava na porta do quarto quando a detenta saiu. "Além disso, um inquérito está apurando uma possível facilitação de fuga", disse. O carcereiro deve ser chamado para depor. A preocupação do delegado é que Andréia possa fazer algum mal à filha, uma vez que ela tem passagens na polícia por maus-tratos e abandono material de crianças.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG