Desmatamento da Amazônia cai 76% em relação aos meses de março e abril de 2008

SÃO PAULO - A Floresta Amazônica perdeu 178 quilômetros de mata nos meses de março e abril de 2009. Em comparação com o mesmo período de 2008, essa redução representa 76%. Os dados são do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon).

Redação |

O período usado como base para o cálculo de desmatamento vai de agosto de um ano até o mês de julho do ano seguinte. Entre agosto de 2008 e abril de 2009, o número de quilômetros quadrados desmatados é de 927.

O Pará lidera o desmatamento com 402 quilômetros quadrados do total deste período. Em seguida vem o Mato Grosso com 314 quilômetros quadrados e Amazonas e Rondônia com 67 quilômetros desmatados cada um.

Apenas estes quatro Estados desmataram 92% do total no período. No entanto, o Pará diminiu em 71% a derrubada da floresta.

Em março deste ano, o Pará desmatou 1% do total contabilizado; em abril, 32%, o que é igual a cerca de 40 quilômetros quadrados de floresta.

Por lei, as "Unidades de Conservação" não podem ser desmatadas. Entretanto, na Amazônia, a unidade "Flona do Jamanxin" perdeu 5,3 quilômetros quadrados de sua floresta. No Pará, também, a "Flona de Saracá-Taquera", no norte do Estado, perdeu 2,2 quilômetros quadrados.


Leia mais sobre: Floresta Amazônica

    Leia tudo sobre: amazoniaamazônia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG