Desmatamento amazônico cai 20% em junho, indica Inpe

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) confirmou hoje dados apresentados ontem pelo Ministério do Meio Ambiente que apontam queda de 20% no desmatamento na Amazônia Legal em junho em relação ao mês de maio. Foram 870 km² devastados em junho, contra 1.

Agência Estado |

096 km² no mês anterior. Os dados do sistema de satélites Deter - Detecção do Desmatamento em Tempo Real - divulgados hoje são ainda mais significativos porque no mês de junho os satélites puderam avaliar 72% da área total da Amazônia, já que a cobertura de nuvens - que normalmente atrapalha a observação - foi de 28%.

Em junho, o Estado do Mato Grosso apresentou redução de 70% quando comparado ao mês de maio. Do total de desmatamento detectado em junho, 197 km² foram verificados no Mato Grosso, contra 646 km² no mês anterior. Já o Estado do Pará apresentou aumento de 91% na devastação - 499 km² em junho ante 262 km² em maio. Este acréscimo no Pará pode ser explicado, segundo o Inpe, pela maior capacidade de observação neste mês - enquanto em maio apenas 41% do Pará pôde ser visto pelos satélites, em junho a observação aumentou para 75% da área do Estado. Os demais Estados da Amazônia Legal apresentaram desmatamento pouco significativo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG