Deslizamento adia liberação de BR que liga PR a SC

Um novo deslizamento de terra ocorrido hoje adiou a liberação da BR-376, principal ligação entre os Estados do Paraná e de Santa Catarina, prevista para amanhã. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o incidente aconteceu durante os trabalhos de contenção de parte do morro que já havia desabado terça-feira na altura do quilômetro 663, em Tijucas do Sul, no Paraná.

Agência Estado |

Com o novo desmoronamento, não há mais previsão para liberação da pista.

O trecho já estava desobstruído, mas não havia sido liberado por medidas de segurança, já que havia risco de novas quedas de barreira. Com o novo cenário, segundo a PRF, a rodovia, que deveria ter o tráfego normalizado ainda esta semana, dificilmente será liberada antes da segunda-feira.

Os motoristas que seguem em direção à Santa Catarina devem continuar utilizando o desvio de sete quilômetros, em uma faixa da pista contrária. Na entrada do desvio, a PRF tem registrado em média oito quilômetros de filas nos horários de maior movimento. No momento do novo deslizamento, funcionários e máquinas da Autopista Litoral Sul trabalhavam na área, mas não houve feridos.

Parceria

A Companhia de Habitação do Estado de Santa Catarina (Cohab/SC) firmou ontem parceria com o Instituto Ressoar e a TV Record estabelecendo os critérios em que os recursos, originados por doações, serão utilizados na construção de casas para os atingidos pelas chuvas no Estado. A iniciativa ajudará a atingir a meta do governo catarinense de erguer 3 mil moradias.

No domingo serão entregues, em Itajaí, as primeiras seis casas construídas com recursos vindos do acordo firmado hoje. Atualmente, as doações ao Instituto Ressoar estão em mais de R$ 6,2 milhões.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG