Mesmo com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa por excesso de multas, o deputado estadual Fernando Ribas Carli Filho (PSB) se envolveu num acidente que deixou dois mortos na madrugada de quinta-feira em Curitiba, no Paraná. O parlamentar está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, para onde foi transferido no domingo.

Ele sofreu traumatismo múltiplo na face, mas segundo boletim médico, está consciente e respirando sem ajuda de aparelhos. Ainda não há previsão de alta.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado do Paraná informou que o acidente aconteceu em uma esquina, quando o veículo dirigido pelo deputado se chocou contra um carro. Os dois ocupantes do automóvel atingido pelo veículo do parlamentar, Gilmar Rafael Souza Yared, de 26 anos, e Carlos Murilo de Almeida, de 20 anos, morreram no local.

Ainda segundo a pasta, a Delegacia de Delitos de Trânsito de Curitiba está encaminhando hoje para o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) o inquérito sobre o acidente. Segundo o delegado Armando Braga de Moraes Neto, a lei determina que a autoridade policial envie o caso para o TJ, já que deputados têm direito a foro privilegiado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.