Sérgio Moraes (PTB-RS), que disse estar ¿se lixando¿ para a opinião pública, ingressou nesta quinta-feira com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ato do presidente do Conselho de Ética da Câmara, José Carlos Araujo (PR-BA) que o http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/05/13/deputado+que+esta+se+lixando+e+afastado+da+relatoria+do+conselho+de+etica+6106935.htmldestituiu da função de relator do caso Edmar Moreira (MG)." / se lixando aciona STF para se manter na relatoria - Brasil - iG" / Sérgio Moraes (PTB-RS), que disse estar ¿se lixando¿ para a opinião pública, ingressou nesta quinta-feira com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ato do presidente do Conselho de Ética da Câmara, José Carlos Araujo (PR-BA) que o http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/05/13/deputado+que+esta+se+lixando+e+afastado+da+relatoria+do+conselho+de+etica+6106935.htmldestituiu da função de relator do caso Edmar Moreira (MG)." /

Deputado que está se lixando aciona STF para se manter na relatoria

BRASÍLIA - O deputado http://www.excelencias.org.br/@casa.php?id=14014&cs=1 target=_blankSérgio Moraes (PTB-RS), que disse estar ¿se lixando¿ para a opinião pública, ingressou nesta quinta-feira com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ato do presidente do Conselho de Ética da Câmara, José Carlos Araujo (PR-BA) que o http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/05/13/deputado+que+esta+se+lixando+e+afastado+da+relatoria+do+conselho+de+etica+6106935.htmldestituiu da função de relator do caso Edmar Moreira (MG).

Carol Pires |

Agência Brasil
Sérgio Moraes foi afastado do cargo
O advogado do deputado Sérgio Moraes, Marco Antônio Borba, alega que o ato do presidente do Conselho foi arbitrário e autoritário. Foi um ato autoritário por parte do presidente, sem respaldo legal previsto no regimento da Câmara nem no regimento no regimento do conselho. Foi uma atitude inédita, disse.

Marco Antônio Borba argumenta também que a decisão de afastar Sérgio Moraes da função de relator foi tomada enquanto o plenário da Câmara estava em processo de votação, e, pelo regimento, todas as comissões deveriam ter as atividades encerradas em caso de sessão plenária ordinária. O ato dele [do presidente do Conselho] é nulo, observa Borba.

Polêmica

Sérgio Moraes havia sido indicado para relator o processo no Conselho de Ética contra o colega Edmar Moreira (MG), dono de um castelo avaliado em R$ 25 milhões em Minas Gerais, acusado de uso irregular da verba indenizatória. 

Em entrevista à imprensa, Moraes adiantou que pediria a absolvição do colega, e disse que estava se lixando para a opinião pública. Deputados do DEM e do PSol pressionaram o presidente do Conselho de Ética a trocar a relatoria do caso Edmar após as declarações.  

Nesta quarta-feira, em reunião do colegiado, Moraes foi afastado do caso. Em seu lugar foi nomeado o deputado Nazareno Fonteles (PT-PI).

Leia mais sobre: Sérgio Moraes

    Leia tudo sobre: stf

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG