Deputado é preso após tiroteio no Rio

O deputado estadual Natalino José Guimarães (DEM) foi preso em flagrante na própria casa, em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, após troca de tiros entre a polícia e uma suposta quadrilha ligada ao parlamentar no final da noite desta segunda-feira, segundo a rádio CBN.

Redação |

De acordo com informações da polícia, Natalino é acusado de ser o chefe da milícia auto-denominada "Liga da Justiça", que controlaria favelas da Zona Oeste do Rio de Janeiro e é investigada por homicídios na região.

No local, foram apreendidas duas carabinas, um fuzil e cinco pistolas, além de computadores.  

Segundo a rádio, Natalino e os cinco suspeitos foram presos em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma, tentativa de homicídio, favorecimento pessoal e formação de quadrilha armada.

Veja também:

Leia mais sobre: milícias no Rio

    Leia tudo sobre: deputadosmilíciasriotiroteio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG