PORTO ALEGRE - Um caso inusitado ocorreu na madrugada desta quarta-feira na cidade de Passo Fundo, interior do Rio Grande do Sul. Um carro foi furtado por volta das 2h na porta de um bar no centro da cidade.

Acordo Ortográfico

Seria mais um caso de furto de veículo se não fosse pelo fato de, 15 minutos depois, o ladrão chamar a Brigada Militar da cidade, ao perceber que uma criança dormia no banco traseiro.

O assaltante indicou o local onde deixaria o carro e fugiu. Soldados da Brigada Militar foram até o bar e identificaram a mãe e o padrasto da criança, de cinco anos, que foi encaminhada ao Conselho Tutelar e mais tarde, devolvida a própria mãe.

Ela e o padrasto responderão a processo por abandono de incapaz, na Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente. A pena para este tipo de delito varia de um a três anos de reclusão.

O caso será investigado pela 2ª Delegacia de Polícia de Passo Fundo.

Leia mais sobre: roubos a veículos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.