Após a chuva de terça-feira, que http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/12/08/sao+paulo+teve+dia+mais+chuvoso+dos+ultimos+2+anos+9228214.html target=_topprovocou o caos para os paulistanos, o dia de hoje começa com tempo nublado, entretanto ainda são esperadas aberturas de sol durante a manhã. Segundo informações do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), no final da tarde podem ocorrer chuva leve e isolada, mas sem potencial para alagamentos.

De acordo com o técnico em meteorologia do CGE, Adilson Nazário, os maiores volumes de chuva devem ficar concentrados entre a sexta-feira e o sábado. "Em função do grande acumulado de chuva e do solo encharcado, existe o risco de novos deslizamentos. Há potencial para formação de alagamentos", afirmou. As temperaturas nesta quarta-feira não sobem muito e ficam entre 20ºC e 26ºC.

AE
Marginal Tietê alagada nesta terça-feira

Marginal Tietê alagada nesta terça-feira

Recorde de chuva

São Paulo registrou na terça-feira o recorde de chuvas dos últimos dois anos. Até as 19h, o CGE calculou 75,8 mm de índice de pluviosidade - o que corresponde a 37,7% da média prevista para dezembro, que é de 201,0mm. Desde o ínicio do mês, foram registrados 143,1 mm de índice de pluviosidade (71,2% da média esperada).

O volume supera os maiores dados registrados nos últimos dois anos, que foram 60,8 milímetros em 29 de janeiro de 2008, e 62,2 milímetros em 19 de dezembro de 2007.

Neste ano, o volume de chuvas mais intenso em São Paulo havia sido registrado no dia 8 de setembro, com média de 60,5mm.

Veja os maiores índices pluviométricos registrados na quarta-feira, até as 19h:

Consolação (CGE) - 120,1 mm
Ermelino Matarazzo - 110,4 mm
Lapa - 106,8 mm
Itaim Paulista - 105,9 mm
Itaquera - 103,3 mm

Índices pluviométricos por região:

Centro - 98,4 mm
Zona Oeste - 84,5 mm
Zona Leste - 81,3 mm
Zona Norte - 77,0 mm
Zona Sul - 52,4 mm

Precipitação média total na cidade até as 19h: 75,8mm

Futura Press

Trânsito para na capital por causa da chuva

Transbordamento e mortes

Na terça-feira, São Paulo amanheceu em estado de atenção. Com as marginais alagadas devido ao transbordamento dos rios Tietê e Pinheiros, a capital travou. ( veja imagens do caos )

Além do Tietê e Pinheiros, transbordaram o Ribeirão dos Meninos, no Ipiranga, e o Córrego Três Pontes, no Itaim Paulista. Segundo o CGE, pelo menos 89 pontos de alagamentos foram registrados.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, 44 pessoas ficaram ilhadas e tiveram de ser socorridas. Quatro desabamentos foram registrados, sendo dois na zona sul e dois na zona leste. Seis pessoas morreram devido a deslizamentos na região da Grande São Paulo.

Por volta das 15h30, a chuva deu uma trégua, a cidade saiu do estado de atenção, mas os prejuízos ainda eram somados. Em entrevista, o prefeito da cidade, Gilberto Kassab, voltou a culpar a natureza pelas enchentes .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.