Entre les murs concorre ao Oscar - Brasil - iG" /

Depois da Palma de Ouro, Entre les murs concorre ao Oscar

PARIS ¿ O filme francês Entre les murs, de Laurent Cantet, foi indicado nesta quinta-feira ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, depois de ter recebido, no ano passado, a Palma de Ouro do Festival de Cannes.

Redação com AFP |

Filmado dentro de uma escola, "Entre les murs" é uma fascinante imersão no mundo escolar, com um tom quase de documentário. Seu diretor, Laurent Cantet, declarou nesta quinta-feira que está muito contente e emocionado por seu filme ser um dos cinco finalistas desta edição do Oscar, pois mostra toda a mestiçagem e a mistura de culturas da França.

"O filme é uma imagem bastante justa de toda a diversidade da sociedade francesa", disse Cantet. "Estou muito contente de ter encontrado um método de trabalho, uma relação com o real que corresponde a meu modo de ser, e acredito que meu próximo filme será tratado da mesma maneira", estimou.

"Entre les murs" é a adaptação do romance homônimo do jornalista e professor François Bégaudeau, que participou da adaptação do roteiro e interpretou o papel de protagonista.

O filme foi rodado numa escola de Ensino Médio em um bairro popular de Paris, cujos alunos, adolescentes de 14 e 15 anos, têm origens diversas, compondo o mosaico de uma sociedade montada a partir das sucessivas ondas de migração.

Cantet só mostra o lado de fora do colégio na primeira cena, quando o professor de francês chega ao colégio no primeiro dia de aula. O filme termina com o último dia de aula. Entre estas duas cenas, entre as paredes do colégio, Cantet mostra as dificuldades dos professores, os problemas dos alunos, suas alegrias e suas dores, seus complexos e rebeldias.

Cantet, de 47 anos, se tornou conhecido em 1999 com "Ressources Humaines", dolorosa crônica ambientada em uma fábrica em crise. Além disso, fez "L'emploi du temps" (2001) e "Vers le sud" (2005).

Selecionado de última hora no último Festival de Cannes, "Entre les murs" obteve a Palma de Ouro.

Ele vai concorrer ao Oscar na categoria Melhor Filme Estrangeiro com o alemão "The Baader Meinhof Complex", o austríaco "Revanche", o japonês "Departures" e o israelense "Valsa com Bashir".

Com este último, disputou a Palma de Ouro, pois o filme do diretor Ari Folman, que ganhou recentemente um Globo de Ouro, estava também na seleção do concurso do festival de Cannes em maio passado.

Leia mais sobre: Oscar

    Leia tudo sobre: oscar

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG