Depoimento de Dilma expressou falta de projeto da oposição, diz Bernardo

BRASÍLIA - O depoimento da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, evidenciou que enquanto o governo quer discutir projetos para o País, a oposição só pensa nas ¿miudezas¿ da guerra política. Com essa opinião, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, procurou demonstrar que o assunto das irregularidades com cartões corporativos está sendo superado com medidas concretas para maior transparência.

Rodrigo Ledo ¿ Último Segundo/Santafé Idéias |

Paulo Bernardo disse que no depoimento de Dilma Rousseff à Comissão de Infra-Estrutura do Senado, nesta quarta-feira, houve uma discrepância muito grande porque a ministra Dilma veio discutir projetos para o País e a oposição queria discutir miudezas, tapioca (referência ao gasto irregular com cartão corporativo do governo pelo ministro do Esporte, Orlando Silva, numa tapiocaria em Brasília). 

Ficou desigual porque [os oposicionistas] não tinham projeto para contrapor, criticou.

    Leia tudo sobre: paulo bernardo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG