DEM tentará ouvir Dilma e Lina em mais 2 comissões

A oposição vai tentar hoje aprovar requerimentos de convocação da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e convite para a ex-secretária da Receita Federal, Lina Maria Vieira, prestarem depoimento na Câmara sobre a existência ou não de encontro entre as duas. O DEM pretende apresentar requerimentos em duas comissões: a de Fiscalização e Controle e a de Finanças e Tributação.

Agência Estado |

Além de Lina Vieira, haverá requerimentos de convite para a chefe de gabinete da Receita Federal, Iraneth Dias Weiler.

O DEM também tentará levar para o plenário a discussão. O líder do DEM, Ronaldo Caiado (GO), vai apresentar requerimento à Mesa da Câmara convocando Dilma para prestar depoimento na quarta-feira da semana que vem em comissão geral da Casa (reunião no plenário para debater um assunto específico). As comissões da Câmara e do Senado têm poder constitucional (Artigo 50) para convocar ministros de Estado ou quaisquer titulares de órgãos diretamente subordinados à presidência da República para prestarem depoimento. A negativa implica crime de responsabilidade.

Lina Vieira afirmou que ouviu da ministra-chefe da Casa Civil pedido para acelerar as investigações da Receita sobre o empresário Fernando Sarney. A ex-secretária diz ter entendido a solicitação como um recado "para encerrar" as investigações envolvendo a família do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Dilma nega o encontro e afirma não ter feito pedido algum.

Iraneth, subordinada de Lina na época, afirmou, em entrevista ao jornal "Folha de S.Paulo" na semana passada, que a secretária-executiva da Casa Civil, Erenice Guerra, foi ao gabinete de Lina para marcar o encontro e que, após a saída dela, Lina a teria avisado da audiência com a ministra.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG