Tamanho do texto

O ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, afirmou hoje que parlamentares da oposição têm se incomodado com o momento que o Brasil vive e que isso foi o motivo do DEM ter impetrando uma ação na Justiça contra os lançamentos de programas pelo governo. Os Democratas poderiam ter dado declaração diferente? Eles não têm aplaudido.

Eles têm se incomodado com este momento que estamos vivendo. Mas a sociedade brasileira tem aplaudido e é isso que interessa", afirmou ele, ao final da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES).

O ministro disse que "o Brasil está crescendo, que há 14 trimestres consecutivos há aumento de investimentos estrangeiros" e que estas polêmicas são naturais na democracia, do debate político. Ontem, o DEM pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que investigue o presidente Luiz Inácio Lula da Silva por abuso de poder político e de autoridade. Para o partido, Lula subiu em palanques e fez discursos em diversos Estados, no lançamento de programas de governo, com críticas à oposição e elogios a aliados.

O ministro também voltou a defender a solução do impasse sobre o rito de tramitação das medidas provisórias (MPs), para que o Congresso possa voltar a trabalhar normalmente. "Temos algumas MPs trancando a pauta. Os parlamentares, por todos os motivos, querem começar a discutir um projeto de iniciativa própria, e nós estamos com a pauta trancada", afirmou. "Se nós temos 18 MPs trancando a pauta, ou nós fazemos um acordo para desobstruir ou a produtividade vai cair muito", disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.