Delúbio Soares desiste de voltar ao PT

BRASÍLIA - Em reunião do Diretório Nacional do PT nesta sexta-feira, o ex-tesoureiro do partido, Delúbio Soares, que foi afastado do PT devido ao escândalo do mensalão, desistiu de tentar retornar ao partido.

Severino Motta |

Delúbio discursou por cerca de cinco minutos para os membros do diretório, falou da sua intenção de voltar a ser um membro do partido, mas, alegando que sua volta poderia trazer implicações políticas para a sigla, ele resolveu retirar o pedido que pleiteava sua reintegração à legenda.

Apesar disso, membros do diretório ouvidos pelo Último Segundo disseram que Delúbio recuou por perceber que não teria votos suficientes para sua reitegração. Para ter sua filiação aceita, ele precisaria dos votos de metade mais um dos integrantes do diretório (43 dos 84 petistas).

"Pago o quinhão que me foi destinado ao lado de José Dirceu e de outros poucos companheiros, cujas companhias enobrecem, mas não confortam, já que gostaria de estar sozinho, somente eu, apenas minha singularíssima pessoa de matuto goiano e petista renitente, enfrentando o pelotão de fuzilamento moral dos adversários que derrotamos", disse.

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de absolver Delúbio Soares da denúncia de gestão fraudulenta em um empréstimo concedido pelo BMG ao partido havia dado novo alento aos defensores da reintegração do petista. Se o ex-tesoureiro tentar novamente voltar ao PT, ele terá que formalizar um novo pedido no diretório nacional.

(Com informações da Agência Estado)

Leia mais sobre: Delúbio Soares

    Leia tudo sobre: delúbio soares

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG