Delegado de Pontal do Paraná é morto a tiros em tocaia

Delegado foi vítima de tocaia e metralhado pelas costas por homens que estavam escondidos em carros com placas do Rio de Janeiro

AE |

selo

Foi morto a tiros na manhã desta terça-feira José Antonio Zuba Oliva, delegado titular do Departamento de Polícia de Pontal do Paraná, no litoral paranaense. Ele investigava uma denúncia de que quatro homens estavam armados em um camping para turistas no Balneário Olho d'Água. De acordo com a polícia de Pontal do Paraná, um funcionário administrativo da delegacia, irmão da dona do camping, teria feito a denúncia ao delegado.

Segundo a polícia, ao chegar ao local, Oliva, o funcionário e duas inspetoras abordaram uma das barracas onde estariam os suspeitos. Nesse momento, o delegado foi vítima de uma tocaia e metralhado pelas costas por homens que estavam escondidos em carros com placas do Rio de Janeiro. Os veículos foram encontrados atrás do quartel da Polícia Militar (PM) da cidade. Os suspeitos fugiram para dentro de um matagal.

O funcionário ficou gravemente ferido na ação e foi levado a um hospital. Equipes da Polícia Civil de Curitiba foram enviadas para a cidade para tentar localizar os suspeitos. De acordo com a polícia de Paranaguá, pelo menos um suspeito foi detido.

    Leia tudo sobre: delegadomortetocaia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG