Delegado da PF que investiga Protógenes será chamado na CPI dos Grampos

BRASÍLIA - A CPI dos Grampos aprovou nesta quarta-feira a convocação do delegado de Polícia Federal (PF) Amaro Vieira Ferreira para depor na comissão. Ferreira é responsável pela equipe da PF que investiga o vazamento de informações sigilosas da Operação Satiagraha - ação que prendeu o sócio-fundador do Opportunity, Daniel Dantas, por crimes financeiros.

Carol Pires, Último Segundo/Santafé Idéias |

Acordo Ortográfico A PF investiga se houve vazamento de informações sigilosas durante o período em que o delegado Protógenes Queiroz comandou as investigações. Existe a suspeita de que Protógenes teria avisado jornalistas de emissoras de televisão sobre as primeiras prisões do caso, quando o ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta foi flagrado de pijamas no momento da autuação. 

Ainda nesta quarta-feira, os deputados deverão analisar outros requerimentos considerados polêmicos. Um deles pede a convocação do ex-deputado Luiz Eduardo Greenhalgh, advogado ligado a Daniel Dantas.

Greenhalgh foi grampeado pela PF durante uma ligação com o chefe de gabinete do presidente Lula, Gilberto Carvalho. Na conversa, Greenhalgh pede informações sobre se a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) estaria investigando seu cliente, o investidor Humberto Braz.

Leia mais sobre: Operação Satiagraha

    Leia tudo sobre: operação satiagraha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG