RECIFE - A mãe do menino que caiu do prédio onde mora em Recife e só se salvou porque a fralda ficou presa, Francieli Pinto Ribeiro, será indiciada ao final do inquérito por lesão corporal culposa, segundo delegado da Gerência de Proteção à Criança e ao Adolescente (GPCA), Carlos Onofre.

De acordo com o delegado, os depoimentos e testemunhas ouvidos até o momento já comprovaram que a mãe teve culpa e foi "relapsa na guarda da criança". Porém, o indiciamento só deve ser feito no final deste mês, após o recebimento de laudos do Instituto de Criminalística  e do Instituto Médico Legal. Ainda segundo Onofre, a mãe só percebeu a queda da criança com os gritos dos vizinhos.

Se condenada apenas por lesão corporal culposa, Francieli pode ser presa pelo período de dois meses a um ano.

Leia mais sobre: bebês

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.