Defesa de Suzane Richthofen tem cinco dias para se manifestar sobre parecer do MP

SÃO PAULO - O Tribunal de Justiça de São Paulo informou que os advogados de defesa de Suzane Von Richthofen têm cinco dias, contados a partir de hoje, para se manifestarem sobre o parecer do Ministério Público, que foi contrário a progressão de pena da jovem.

Redação |

AE

Suzane sendo levada por policiais

Suzane foi condenada a 39 anos e seis meses de prisão por participar da morte dos pais, em outubro de 2002. A defesa pleiteia a progressão para o regime semiaberto porque Suzane já cumpriu um sexto da pena.

Com isso, Suzane passaria o dia fora da penitenciária e voltaria somente à noite para dormir.

Na segunda-feira, o promotor Paulo José de Palma, da Vara de Execuções Criminais de Taubaté, encaminhou à Justiça um parecer contrário ao pedido de liberdade.

Segundo a Justiça, o parecer foi feito com base em um laudo criminológico anexado ao processo, no qual uma junta médica avaliou Suzane.

O promotor não citou o teor da análise, mas afirmou que a mudança do regime de prisão de Suzane seria um risco para a sociedade, pois ela apresenta "personalidade manipuladora e dissimulada".

O promotor disse que essas características são demonstradas "pela forma como ela se preparou para a prática dos crimes e também por seu comportamento posterior, como a presença chorosa no velório e sepultamento dos pais, mentira dita ao irmão e participação no programa de televisão de abrangência nacional, agindo sob orientação de seu advogado.

Como o parecer só foi publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial, a defesa tem cinco dias para contestá-lo. Depois disso, os laudos serão encaminhados a um juiz da Segunda Vara de Execuções de Taubaté, que decidirá se concede ou não a progressão de pena para a presa.

Penitenciária

Suzane está presa em Tremembé, a 147 quilômetros de São Paulo. O parecer técnico feito com base em depoimentos de funcionários e presas do local é favorável à liberdade dela.

Leia também

Leia mais sobre : Suzane Von Richthofen


    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG