Defesa de casal dispensa seis testemunhas

Depois de mais de seis horas, terminou às 16h42 o depoimento da perita do Instituto de Criminalística (IC) Rosângela Monteiro no julgamento do assassinato da menina Isabella Nardoni. Em seguida, o juiz Maurício Fossen anunciou a dispensa de seis testemunhas de defesa, a pedido do advogado dos réus, Roberto Podval.

Agência Estado |

Foram dispensados o pedreiro Gabriel Santos Neto, os peritos do IC Márcia Casagrande, Sérgio Ferreira e Mônica Catarino e os médicos legistas Carlos Cuoco e Laércio Cesar.

Rosângela depôs pela defesa e pela acusação. A primeira testemunha de defesa ouvida depois da perícia foi o jornalista Rogério Pagnan, que falou por 25 minutos sobre uma reportagem que escreveu a respeito do caso Isabella. Às 17h35, começou a ser ouvido o escrivão de polícia Jair Stirbulov.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG