A Justiça Militar decretou ontem a prisão dos quatro PMs acusados de envolvimento no furto a um caixa eletrônico em Guaianases, zona leste da capital paulista. A ação aconteceu na madrugada de 12 de dezembro e foi filmada pelo circuito interno de TV da agência .

As imagens foram liberadas à imprensa pela Corregedoria da corporação.

Os policiais militares acusados foram transferidos ontem para o Presídio Militar Romão Gomes, na Água Fria, zona norte. Em nota divulgada ontem, a Corregedoria da PM informou que os policiais militares investigados estavam de serviço no dia do furto. A nota diz ainda que por meio de filmagens feitas pela empresa de segurança do banco “verificou-se que PMs aparecem abordando pessoas no interior da agência, as quais são vistas saindo com sacolas que, aparentemente, continham algo eu seu interior, a ser verificado”, diz a nota.

A Polícia Civil apurou que foram furtados R$ 22 mil. O dinheiro não foi recuperado. Os PMs que aparecem nas imagens abordando os assaltantes não apresentaram nenhum ladrão no DP. A assessoria de imprensa da PM informa que este ano foram presos nove policiais militares investigados por furto em bancos e não 35, como havia informado a Polícia Civil. Ainda de acordo com a nota, em 2007 foram presos em flagrante oito PMs por furto ou roubo em caixas eletrônicos. As informações são do Jornal da Tarde .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.