Decretada prisão de acusados de espancamento em SP

A Justiça de Sorocaba, no interior de São Paulo, decretou hoje a prisão de dois dos acusados de espancar brutalmente o metalúrgico Fabiano Dias Rodrigues, de 23 anos, na saída de uma boate, no dia 1º. Os suspeitos, Willy Rosi Athayde e Everton Airton Brás de Lima, os dois de 19 anos, foram reconhecidos nas imagens gravadas da agressão, mas não se apresentaram à polícia.

Agência Estado |

De acordo com o delegado José Ordele de Lima Júnior, Athayde tem antecedente criminal por tráfico de drogas.

Eles são considerados foragidos e, se forem apanhados, não terão o benefício de responder ao processo em liberdade. Dos seis acusados que foram detidos até agora, apenas o menor E.V.E.O, de 17 anos, está sob custódia. Ele é o principal agressor - pulou com os dois pés sobre a cabeça da vítima -, mas ficou detido porque se encontrava em liberdade assistida em razão de outro crime - tráfico de drogas. Hoje, o estado de saúde do metalúrgico apresentou ligeira melhora, mas ele continuava em coma.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG