Decoração natalina é oportunidade para unir a família São Paulo, 17 (AE) - Decorar a casa para o Natal é uma tarefa prazerosa, já que em alguns casos pode envolver a família toda, principalmente a garotada. É preciso, porém, cautela para não exagerar e transformar o ambiente em uma loja natalina.

Cecilia Dale, decoradora e empresária, é craque no assunto. Ela, que tem uma equipe de consultoria para consumidores e lojistas, acredita que cada decoração tem de ser feita de acordo com o estilo da residência. "Uma casa de praia, por exemplo, pede uma decoração mais rústica. Então, abuse dos galhos secos, flores e conchas do mar. Se o estilo for mais sofisticado, aposte nas bolas com brilho, rosas vermelhas e em uma árvore mais elegante."

Segundo Cecilia, os lares com crianças merecem atenção especial. "Os pequenos adoram participar da montagem da árvore, por isso peça para eles usarem seus próprios brinquedos como enfeite", avisa. Um complemento que não pode faltar são as luzes. "Eles vão adorar", completa.

A especialista garante que é importante que a família interaja com a composição da árvore. "Gosto de criar árvores que têm espaço para os convidados brincarem com ela. Uma ideia é colocar algo sofisticado, como as rosas", sugere. No fim da festa, quem quiser, poderá pegar uma.

Fica o alerta: pinheiro natural, jamais! "Quando cortamos ou compramos um pinheiro e o trazemos para casa, estamos matando uma árvore. Para ser natural, a raiz deveria
ter duas vezes o tamanho da árvore", avisa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.