A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, evitou dar entrevistas ao chegar hoje ao 4º Congresso do PT, que acontece até sábado em Brasília, no Centro de Convenções Ulisses Guimarães. Recepcionada pelo novo presidente do partido, José Eduardo Dutra, e por seu antecessor, Ricardo Berzoini, Dilma limitou-se a dizer que está muito animada com a festa.

Ao ser questionada por que vestia uma blusa azul ao invés de vermelha, símbolo do PT, a ministra contou que está "guardando o vermelho para o sábado".

Na ocasião, Dilma será aclamada candidata do PT à Presidência da República, em ato político que também terá a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Dilma participa hoje pela manhã de um seminário com delegações internacionais convidados para o congresso. O debate ocorre a portas fechadas. Petistas que aguardavam a chegada de Dilma já avisavam à imprensa que ela falaria o mínimo possível. A ordem é guardar o discurso para o ato de sábado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.