Datafolha mostra Alckmin na liderança isolada em São Paulo

A pesquisa Datafolha para o governo de São Paulo mostra o tucano Geraldo Alckmin bem na frente de seus concorrentes. No cenário em que o candidato do PT é o senador Aloizio Mercadante, o ex-governador e atual secretário de Desenvolvimento do Estado aparece com 53%, enquanto o petista ficou com 13% das intenções de voto, Celso Russomano (PP) com 10%, Fábio Feldmann (PV) com 3% e Ivan Valente (PSOL), 1%.

Agência Estado |


AE
Geraldo Alckmin
Alckmin, a frente em pesquisa

Já se o candidato do PT for o senador Eduardo Suplicy, Alckmin teria 49% dos votos e o parlamentar, 19%. Russomano, então, teria 10%, Feldmann, 2%, e Ivan Valente, 1%. Esses dois cenários não incluíram um candidato pelo PSB. No entanto, mesmo com Paulo Skaf (PSB) na disputa, não há grande alteração no índice alcançado pelos pré-candidatos.

No cenário com Mercadante e Skaf, Alckmin continuaria disparado na frente, com 52% das intenções de voto, segundo a pesquisa Datafolha, publicada na edição de hoje do jornal Folha de S.Paulo. O petista teria o mesmo número de votos (13%), assim como Russomano (10%). Feldmann teria 2%, empatado com Skaf e o pré-candidato pelo PSOL. Já se Suplicy for candidato no lugar de Mercadante, Alckmin aparece com 50%, o senador do PT com 19%, Russomano com 10% e os três outros nomes, com 2%.

É a primeira sondagem para o governo de SP do Datafolha este ano. A pesquisa foi feita nos dias 25 e 26 deste mês, com 2.001 eleitores. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos. O levantamento foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número 17.116/2010.

Leia mais sobre eleições 2010

    Leia tudo sobre: eleições 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG