Cushman: SP tem 2 locais entre os mais caros do mundo

Dois dos endereços mais badalados de São Paulo, a Rua Oscar Freire e o Shopping Iguatemi, ambos nos Jardins, zona sul, colocaram a cidade entre as 50 com os aluguéis de lojas mais caros do mundo. A capital paulista está em 32º lugar, mas pula para 9º lugar quando se considera apenas o Shopping Iguatemi, que cobra em média US$ 176 o metro quadrado de uma loja - pouco se comparado com o campeão da lista, a 5ª Avenida, em Nova York, onde o metro quadrado custa US$ 2.

Agência Estado |

244. “O Iguatemi é um lugar consagrado”, diz Milena Morales, gerente de pesquisa da Cushman&Wakefield, empresa responsável pelo levantamento.

O ranking foi montado com base em dados recolhidos durante 12 meses, a partir de junho de 2007. Comparando com os resultados da edição anterior, o Iguatemi não teve valorização, chegando a pontuar -0,2% nos preços dos aluguéis. “Isso sempre acontece quando estamos encubando novos projetos”, explica Carlos Jereissati, dono do shopping. “Para o ano que vem teremos um prédio com mais 500 vagas de estacionamento, além de dois restaurantes e uma megalivraria.” As mudanças já começaram, com a chegada de seis novas marcas, entre elas a Gucci, com sua primeira loja do Brasil.

Prova de que o público é exigente, a Rua Oscar Freire se valorizou após a revitalização do espaço, que lhe conferiu ares de bulevar. Os fios elétricos foram soterrados, as calçadas alargadas, e surgiram bancos onde os freqüentadores - são 30 mil por dia - sentam para conversar e tomar sorvete. A mudança fez o preço da locação subir 33%. A partir daí, foram abertas ali cerca de 40 lojas de grifes nacionais e internacionais, segundo Rosângela Lyra, presidente da Associação dos Lojistas da região. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. D

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG