Curta brasileiro é selecionado para mostra paralela de Cannes

PARIS ¿ O curta-metragem Chapa, do brasileiro Thiago Ricarte, será o representante do país na mostra de obras de estudantes universitários Cinéfondation, do 62ª Festival de Cannes, que acontece entre 13 e 24 de maio.

Redação com agências |

Ricarte, da FAAP, competirá com outros 15 filmes nessa seção oficial de Cannes, que procura descobrir novos talentos.

A Cinéfondation de Cannes oferece duas vezes ao ano uma bolsa de estudos de quatro meses em Paris a 12 jovens produtores para ajudar na conclusão de seus projetos e desenvolve, além disso, uma Oficina.

Essa seção oficial foi criada em 2005 para acolher a cada ano durante o festival 15 produtores, com o objetivo de ajudar a encontrar financiamento para seus projetos de longas-metragens, considerados particularmente interessantes.

A organização do festival também anunciou hoje a lista oficial de curtas-metragens, nove na disputa pela Palma de Ouro, sendo oito europeus e um da Nova Zelândia, e 17 na briga pelo Prêmio Cinéfondation.

O júri das mostras de curtas de Cannes, que atribuirá os dois prêmios, será presidido pelo cineasta britânico John Boorman.

Leia mais sobre: Festival de Cannes

    Leia tudo sobre: festival de cannes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG