Cúpula do PT dificulta aliança com PSDB em BH e quer incluir PMDB nas conversas

BRASÍLIA - A cúpula do PT mais uma vez adiou a decisão sobre a aliança com o PSDB para a eleição à prefeitura de Belo Horizonte e demonstrou que a cada dia fica mais difícil a coligação. Em reunião realizada em Brasília nesta quarta-feira, os dirigentes disseram que o PMDB deverá ser incluído nas conversas e que há um ¿grande desconforto¿ pela aliança com o principal adversário nas eleições presidenciais de 2010.

Rodrigo Ledo ¿ Último Segundo/Santafé Idéias |

Entre os participantes da reunião feita na sede do PT, estiveram membros da comissão executiva nacional e cardeais petistas como o prefeito de Belo Horizonte (principal interessado na aliança com tucanos) e os ministros contrários à coligação, Luiz Dulci (secretário-geral da Presidência) e Patrus Ananias (do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome).

A decisão, que estava marcada para ser anunciada nesta quarta, foi adiada para o dia 27 deste mês. O problema que os petistas querem resolver é a grande disposição dos petistas mineiros para a aliança (na prévia regional do partido, 85% dos delegados votaram a favor) e a contrariedade de personalidades importantes do Estado e até de outros partidos.

O ministro das Comunicações, Hélio Costa (PMDB), e o vice-presidente da República, José Alencar (PRB) foram dois aliados descontentes por terem sido excluídos das conversas eleitorais em BH.

Pelo relato do secretário de Comunicação do PT, Gleber Naime, um dos participantes do encontro desta quarta, as declarações demonstraram que o que traz mais desconforto no processo construído até agora foi uma tese veiculada pelo prefeito de BH, junto à mídia nacional, de que PT e PSDB são partidos de centro-esquerda e com uma afinidade de ideologia.

É uma tese falsa, porque contradiz tudo o que o PT fez até agora, rebateu o próprio secretário de Comunicação, lembrando que o PSDB faz dura oposição no Congresso Nacional e quer retomar o poder central nas eleições presidenciais de 2010, combatendo o projeto petista.

Leia mais sobre as alianças do PT nas eleições municipais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG