Críticas de Lula acirram briga para prefeitura de Natal

Os ataques diretos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva à candidata do PV, Micarla de Sousa, acirrou ainda mais a disputa para a prefeitura de Natal. Eu esperava que o presidente tivesse mais respeito por mim.

Agência Estado |

Ele não tem direito de falar do meu caráter", reagiu magoada a deputada estadual, que tem apoio de cinco partidos da base aliada de Lula.

No comício da candidata do PT, deputada federal Fátima Bezerra, o presidente criticou o fato de Micarla ser apresentadora de um programa de notícias em sua emissora de TV, o que a tornou popular na cidade. "Não basta ter televisão para ganhar eleição, é preciso ter caráter e honradez", disparou Lula, na noite de sexta-feira. E ainda: "É mais fácil ser apresentadora de TV porque fica lendo um teleprompter. Se beleza ganhasse voto eu não teria passado do segundo ou terceiro lugar".

Micarla, uma jovem de classe média alta e bonita, se sentiu pessoalmente agredida com as palavras do presidente, principalmente quando ele enfatizou que, se a candidata verde fosse "boa mesmo" estaria ao lado da petista. Ou seja, apoiaria a aliança entre PT, PMDB e PSB - adversários tradicionais no Estado - e não aceitaria o DEM como aliado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG