Criminosos estupram e matam mulheres durante festa na Paraíba

De acordo com a polícia, nove pessoas suspeitas de participar da série de crimes foram presas no fim de semana

AE |

selo

Nove pessoas foram presas suspeitas de estuprar seis mulheres e matar duas delas, durante uma festa de aniversário em uma casa no município de Queimadas, na região de Campina Grande, agreste paraibano, na noite de sábado (11).

Leia também: Aluna sofre tentativa de estupro em universidade de BH
Saiba mais sobre a violência contra a mulher

Segundo a Polícia Militar, ao menos nove pessoas encapuzadas invadiram a casa, onde 15 pessoas participavam de uma festa de aniversário. Os homens que estavam na residência foram amarrados e presos em um dos cômodos. Já as seis mulheres foram estupradas e agredidas. 

Duas das mulheres, uma professora e uma recepcionista, reconheceram os criminosos e foram levadas pelo grupo. Durante a fuga, uma delas conseguiu pular do carro, mas foi atingida por quatro disparos. A outra foi morta dentro do veículo com três tiros.

Segundo a PM, durante o velório de Michele Domingues da Silva, de 29 anos, e Isabela Sara Frazão, 27 anos, três acusados foram presos. Outros seis envolvidos foram detidos em suas residências. 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), entre os nove presos, um já foi liberado. Outros quatro já foram ouvidos pelo delegado que investiga o caso e outros quatro serão ouvidos. Os bandidos ainda roubaram R$ 5 mil, segundo a SSP.

    Leia tudo sobre: violência contra a mulhercrimeparaíbaestupro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG