CPI localiza mais de 500 pedófilos em páginas do Orkut

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia encontrou mais de 500 pedófilos, brasileiros e estrangeiros, entre cerca de 3 mil páginas do site de relacionamento Orkut examinadas pela comissão. A informação foi dada ontem pelo presidente da CPI, senador Magno Malta (PR-ES).

Agência Estado |

Ele disse ainda, segundo informações da Agência Brasil, que a CPI vai sugerir modificações na legislação para coibir a pedofilia e pedir prioridade na votação desses projetos.

O senador quer ainda o apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para as mudanças. A CPI fez ontem reunião administrativa em que aprovou a tomada de depoimento de duas vítimas de pedofilia em Niquelância (GO). O relator da CPI, senador Demóstenes Torres (DEM-GO), informou ainda que foi aprovado outro requerimento, em caráter sigiloso, que poderá resultar na prisão de um pedófilo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG