CPI dos cartões recebe documentos sobre gastos do Planejamento

BRASÍLIA - A presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Cartões Corporativos, senadora Marisa Serrano (PSDB-MS), informou que os primeiros documentos sobre o assunto, referentes aos gastos do Ministério do Planejamento, chegam nesta quarta-feira pela manhã à comissão.

Agência Brasil |


Segundo a senadora, às informações passadas à CPMI estão em 70 caixas de documentos que dizem respeito à prestação de contas dos gastos efetuados por servidores do Ministério do Planejamento e pelo ministro Paulo Bernardo.

Também nesta quarta, às 17 horas, Marisa Serrano participa de reunião com os presidentes do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Walton Alencar Rodrigues, e do Senado, Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN). O objetivo é avaliar se é legal o fornecimento à CPMI dos resultados da auditoria realizada por técnicos do tribunal nos gastos da Presidência da República.

"Eu entendo que o TCU, como órgão auxiliar do Congresso Nacional, tem que passar esses dados à CPMI. Agora, quero saber se o órgão tem obrigação legal de passar os dados, ou não. Se não, cabe ao Congresso modificar essa lei", disse Marisa.

A senadora acrescentou que os documento não precisariam, necessariamente, ser remetidos à CPMI. "Um deputado que quisesse ter acesso a seu conteúdo iria ao TCU, analisaria os dados, e os documentos continuariam lá", explicou.


Leia também:

Leia mais sobre: cartões corporativos

    Leia tudo sobre: cpi dos cartões

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG