Costa: Sarney é o nome do PMDB para presidir Senado

O ministro das Comunicações, Hélio Costa, disse hoje que o senador José Sarney (PMDB-AP) é o candidato de seu partido, o PMDB, para a presidência do Senado. É uma convocação do PMDB para que o senador Sarney assuma a candidatura à presidência do Senado, afirmou o ministro, que participou hoje da assinatura do termo de consignação de sinal para transmissão digital de televisão de seis emissoras de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Agência Estado |

Costa disse que há um rito a ser seguido no Senado, conforme o regimento interno, em que o partido com a maior bancada indica o presidente. Por isso, a indicação cabe ao PMDB, assim como na Câmara dos Deputados, comparou o ministro. Há dois anos, o PMDB cedeu o direito de indicar o presidente ao PT na Câmara, porque, segundo o ministro, não tinha candidato. "Desta vez, cabe ao PMDB indicar o candidato a presidente e eleger, porque tem maioria."

"Não existe uma disputa Câmara e Senado", afirmou ele, acrescentando que a eleição do presidente em uma Casa legislativa não exclui a eleição na outra. "São duas Casas totalmente divorciadas no processo eleitoral", argumentou. O PT pretende eleger o senador Tião Viana (PT-AC) para a presidência do Senado e espera contar com o apoio do PMDB.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG