grande aliança na disputa ao governo de MG - Brasil - iG" /

Costa quer grande aliança na disputa ao governo de MG

O ministro das Comunicações, Hélio Costa, defendeu hoje uma grande aliança para a disputa eleitoral em Minas Gerais entre os aliados do governo federal, especialmente seu partido, o PMDB, e o PT do ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel e do ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias. Comemorando o resultado da pesquisa DataFolha que dá a ele a liderança nas intenções de voto para governador, Costa evitou considerar seu desempenho com uma indicação de que ele, e não um candidato do PT, terá o apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Estado.

Agência Estado |

"O PMDB não faz imposições, parte do princípio de que vamos ter uma série de pesquisas daqui até março. Vamos chegar às convenções dos partidos, especialmente do PMDB e do PT, em condições de nós podermos pegar o candidato que melhor desempenho tem em várias pesquisas e pedir a ele que seja o candidato de conciliação, o candidato da aliança", afirmou.

A pesquisa mostra Hélio Costa com 31% das intenções de voto, contra 19% de Fernando Pimentel e 10% do vice-governador de Minas, Antonio Anastasia (PSDB). No cenário em que o candidato petista é Patrus Ananias, Costa tem 32%, Patrus 12% e Anastasia 10%.

"Eu continuo insistindo que nós devemos fazer uma grande aliança. Minas Gerais é um Estado muito grande", disse. "Eu já passei por isso antes. Concorrer contra o governo, contra estruturas poderosas é muito difícil, então a gente precisa ter consciência de que a união de forças é que vence eleição. Vamos continuar trabalhando, independente de quem está na frente nas pesquisas, por uma grande união", acrescentou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG