Correção: Lula chama Carlos Minc para o lugar de Marina

A nota enviada anteriormente contém um erro. A ministra demissionária do Meio Ambiente é mais conhecida como Marina Silva e não Marina Lima, apesar de também ter Lima no sobrenome.

Agência Estado |

Segue o texto corrigido:

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva telefonou hoje para o governador do Rio, Sérgio Cabral Filho (PMDB), para pedir que o secretário do Meio Ambiente do Estado, Carlos Minc, seja liberado das funções e assuma o Ministério do Meio Ambiente, no lugar da ministra demissionária Marina Silva, que pediu demissão hoje. Cabral, segundo a assessoria, "entendeu e atendeu a solicitação do presidente". Minc, no entanto, havia embarcado para Paris, integrando uma missão oficial.

Segundo a assessoria do Ministério do Meio Ambiente, o caráter do pedido foi irrevogável. A saída de Marina pôs fim a um processo de desgaste, que se acentuou em 2007, quando o atraso na concessão de licenças ambientais pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) foi apresentado como o grande vilão para o não-andamento de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG