Correção: Fiocruz entrega 210 mil tratamentos para gripe

A nota enviada ontem contém um erro de informação. A fábrica de medicamentos Farmanguinhos irá entregar hoje ao ministério mais 60 mil tratamentos contra a gripe suína, e não 600 mil como foi informado.

Agência Estado |

Segue um novo texto corrigido:

Farmanguinhos, a fábrica de medicamentos da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio, anunciou ontem a conclusão do primeiro lote de antivirais contra a gripe suína produzido no Brasil. São 150 mil tratamentos - cada um deles com dez cápsulas de fosfato de oseltamivir - produzidos com o princípio ativo adquirido da Roche, que comercializa o Tamiflu. A entrega foi feita no prazo prometido ao ministério, que terminaria hoje. Segundo o diretor de Farmanguinhos, Hayne Felipe, serão entregues mais 60 mil tratamentos hoje. Eles poderiam ser repassados até 15 de agosto.

Felipe confirmou que os técnicos tiveram dificuldades no ajuste de uma das máquinas, que umedeceu um lote intermediário. O diretor explicou que o problema aconteceu antes de passar para a produção em larga escala. A superação do problema permitiu que a fabricação fosse concluída no prazo. “Não é simples, foi um trabalho de desenvolvimento tecnológico, e esses ajustes são inerentes ao processo”, explicou. Para cumprir o cronograma do ministério, que fez o pedido há 30 dias, os técnicos trabalharam em dois turnos diários, todos os fins de semana deste mês.

Os medicamentos estão estocados na fábrica da Fiocruz, em Jacarepaguá, e serão distribuídos aos Estados segundo determinação do ministério. Felipe adiantou que o Rio de Janeiro deve receber 5 mil desses tratamentos, que serão direcionados, em sua maior parte, para São Paulo, Estado com o maior número de mortes no País, e para o Rio Grande do Sul, que concentra mais casos da gripe suína. O oseltamivir é indicado para casos graves de qualquer tipo de gripe - o que representa menos de 5% dos pacientes com os sintomas - e para pessoas com fatores de risco. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG