Coronel da PM que teria negociado com tráfico é exonerado no Rio de Janeiro

A Polícia Militar (PM) do Rio de Janeiro informou, no início da tarde de hoje, que o coronel Carlos Henrique Alves de Lima, comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária, foi exonerado do seu cargo e encontra-se a disposição do Departamento Geral de Pessoal da corporação. A decisão foi do comandante-Geral, Mário Sérgio Duarte.

Agência Estado |

No sábado, Lima teria negociado com traficantes para recuperar o carro e o celular roubado de sua mulher. A negociação teria ocorrido por meio do celular da mulher do coronel, que foi roubado junto com o veículo.

Encarregado pelo oficial de entregar R$ 2 mil aos criminosos, o cabo Guttemberg Conceição, de 32 anos, subiu o Morro da Pedreira, em Costa Barros, no subúrbio da capital fluminense, para levar o dinheiro. Ele acabou morto a tiros pelos bandidos. O carro não foi recuperado.

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: violência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG